KumbuKumbu | Museu Vivo do São Bento

Museu Vivo do São Bento

A Exposição

A exposição “Kumbukumbu: África, Memória e Patrimônio na Baixada Fluminense” é uma extensão da exposição de longa duração do Museu Nacional “Kumbukumbu: África, Memória e Patrimônio” que compreende uma coleção de objetos, a maioria do século XIX quando os países modernos ainda não existiam e o colonialismo europeu se estabeleceu sobre o continente. Muitos dos objetos foram recolhidos junto a povos que nunca tiveram contato histórico com o Brasil, enquanto outros estão relacionados à escravidão e à diáspora africana nas Américas. A coleção é um dos mais antigos acervos africanos do Brasil.

A extensão da exposição foi realizada através de uma parceria entre o Museu Nacional e o Museu Vivo do São Bento localizado em Duque de Caxias-RJ, na Baixda Fluminense. A inauguração da exposição aconteceu na Biblioteca Pública Municipal Leonel de Moura Brizola em Duque de Caxias. Essa exposição teve como objetivo levar a história africana para além dos muros do Museu Nacional e integra-la a história da cidade que a recebeu. Foram expostos alguns objetos dos acervos dos museus, reproduções e painéis que diaologavam e ampliavam a exposição original.

 

KumbuKumbu

“Kumbukumbu é uma palavra swahili que significa memória ou o ato de colecionar. Como a história é considerada o estudo do passado, historiadores coletam itens do passado de diferentes fontes. Todas as coleções e documentações dos acontecimentos passados reunidas formam um museu que, basicamente significa Kumbukumbu.” (Gatera Mudahizi Maurice)

Ficha Técnica

  • EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA
  • Curadoria: Mariza de Carvalho Soares
  • Local: Biblioteca Leonel de Moura Brizola
  • Horário de Visitação: ------
  • Duração: outubro a novembro de 2014
  • Entrada: Gratuita